segunda-feira, 16 de maio de 2011

Fotografia “Piso, Pés e Bengalas”

Fotografia de pernas e pés de homens e mulheres, conduzindo algumas bengalas, sobre um piso brilhoso com reflexos de suas imagens. Feita no hall da UNIOESTE, em Cascavel, PR, durante o XII Encontro Nacional de Usuários DOSVOX, em outubro de 2010.














Descrição textual da imagem:
Fotografia retangular, largura maior que a altura. Em primeiro plano, ocupando mais da metade inferior da imagem, um piso de madeira brilhoso reflete a imagem de um grupo de pessoas reunidas, ocupando  toda a extensão horizontal  da extremidade superior da imagem.  São vistas apenas as pernas, algumas caminham e outras estão paradas, são vistos pés com calçados femininos e masculinos, a maioria das pessoas está vestida com calças compridas na cor azul escuro, vê-se por entre as pernas algumas bengalas nas cores branca e amarela, branca e vermelha, uma das bengalas mais à direita da imagem mostra uma esfera de borracha na extremidade que toca o chão.
Esta fotografia foi feita durante o XII Encontro Nacional de Usuários DOSVOX , evento realizado  no mês de outubro do ano passado, na cidade de Cascavel, PR, na Universidade Estadual do Oeste do Paraná, a UNIOESTE.
As pernas e pés reunidos na imagem podem ser vistos em qualquer lugar do mundo, modificariam talvez o modelo dos calçados ou das roupas, existem formas diferentes de vestimentas em culturas diferentes.  Você vê alguma diferença?  Seriam as bengalas? Muitas das pessoas fotografadas usam bengalas. Não há diferença em ser pessoa! Mas há pessoas diferentes, todas no mundo são diferentes, inclusive eu e você.
Com uma “bengala legal” caminha uma pessoa legal, com direitos e deveres, como as pessoas que caminham ou se locomovem sem bengala, ou com cadeiras de rodas, ou próteses, ou com auxílio de cães.
A referência para fazer essa fotografia, foi o nome do site criado por Marco Antonio de Queiroz, ou simplesmente MAQ,  visite e conheça mais o MAQ e leia Bengala Legal. Foi dele que recebi por e-mail, a primeira saudação inclusiva, cujas palavras me conduziam a um brinde, emocionada me senti e hoje me incluo em um dos muitos processos de inclusão que vivemos, e lutamos para que sejam concretizados.
Dedico este post às pessoas cegas ou videntes que conheci e que estou conhecendo, com quem aprendo cada vez mais sobre a luta diária pelo direito de ter direito à vida, vivida com plenitude.
Aprendendo através do site Bengala Legal, “descrição da imagem”, agora será “descrição textual da imagem”.

3 comentários:

Visite www.arteautismo.com disse...

Oi Rosa.
Conhecendo seu blog e sua arte a gente entende que por detrás dela está uma pessoa maravilhosa com um coração e uma mente solidária, amiga e compassiva.
É por isso que seu trabalho tem tanta expressividade é tão bonito.
Eu conheço o Mac também, da Bengala Legal. ele já me deu muitas dicas para ajudar o Filipe. Ele é uma pessoa muito humana , que tem muito o que nos ensinar.
Obrigada por estar comigo e Filipe na nossa caminhada. Precisamos muito de pessoas como voce, que sempre tem algo bonito para nos ensinar e falar.
Um beijo grande.
Ray

Eliziane disse...

Rosa,
o seu olhar emociona e ensina sempre!
Bjs,
Eli
www.genuinoblogdaeli.blogspot.com

Rosa da Rosa disse...

Olá Eli! Emocionou-me novamente,um grande abraço!